Independência

Lembro a primeira vez que percebi que tinha que resolver as coisas sozinho.

Minha mãe era casada com um cara. Que me batia. Lembro que eu ligava pra isso, mas só fui perceber a gravidade quando cheguei na escola e mostrei o braço roxo pra galera. Lembro da cara de choque deles…

Ponto um: Minha mãe compactuava com aquilo. Ela era casada com ele e nós morávamos com ele. Não podia contar com ela.

Ponto dois: Meu pai descobriu que o cara me batia. O que ele fez? Menos que nada. Viado.

Ponto três: Quando, um dia, resolvi sair de lá, fui pra casa da minha vó. Quando cheguei lá, ela já sabia que eu ia pra lá. E perguntou se eu não gostaria de voltar pra casa do marido da minha mãe.

Ou seja, to sozinho até hoje…

Anúncios
Explore posts in the same categories: Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: